O Que são Redes Sociais? Mais Usadas e sua História

Tempo de leitura: 27 minutos

O mundo está cada vez mais conectado.

Em meio a curtidas, compartilhamentos e tweets muita gente utilizando as redes sociais de maneira equivocada.Também são tantos nomes de redes sociais. Hoje vamos conhecer um pouco mais sobre o conceito de redes sociais.O que são Redes Sociais? Mais Usadas e sua História.

Elas aparecem do nada pedindo curtidas, pedindo comentários e até mesmo indicando produto via inbox sem mesmo conhecer quem são. É um saco. Será que elas também agem assim na vida real? Elas precisam lembrar do nome: Rede SOCIAL.

Imagine conhecer uma nova pessoa nas redes sociais e a primeira frase dela é: “Oi, você já conhece esse produto/serviço? Visite nesse link agora!” Não se apavore, pois é a coisa mais comum de se ver nas redes sociais, infelizmente. Lembre-se uma amizade no “mundo real” acontecer, é preciso que tudo aconteça de modo natural, no seu tempo. No mundo digital também.

É verdade que existem diversas formas de estabelecer uma contato inicial até se transformar em uma amizade, ou quem sabe, em possível cliente. Tem crescido o número de usuários que buscam como utilizar as redes sociais para seu negócio e aumentar as suas conexões.

Hoje é possível com um simples toque no celular (parece cena de filme de ficção científica) começar uma bela amizade ou estragar tudo. Conheça as regras de netiqueta da internet.

Nesse artigo, irei compartilhar 7 formas incrivelmente simples conhecer profundamente as redes sociais.

Continue lendo esse artigo para saber mais sobre:

1.O quem são Redes Sociais?

2.Túnel do Tempo das Redes Sociais

3.Vale a Pena Mesmo investir seu tempo

4.Rankink Top #10

5.Bloqueio Hacker das Redes Sociais

6. DNA Comunicação das Redes Sociais

7. Extra: Curiosidades das Redes Socais

 

1. O QUE SÃO REDES SOCIAIS?walmirlima-o-que-sao-redes-sociaiss

Rede Social é uma estrutura social, que pode ser virtual ou não, composta por pessoas ou organizações, conectadas por um ou vários tipos de relações, que compartilham valores e objetivos comuns. Essa é a definição de redes sociais.

Em outras palavras, Segundo Brown e Barnett, “o agrupamento de indivíduos, de acordo com as posições que resultam dos padrões essenciais de relações de obrigação, constitui a estrutura social de uma sociedade”. E são virtuais, obviamente, porque se refere às comunicações via Internet que extrapolam as quatro paredes convencionais.

O que é Mídias Sociais ? São “ferramentas de mídias sociais” são sistemas projetados para possibilitar a interação social a partir do compartilhamento e da criação colaborativa de informação nos mais diversos formatos.

Classificação das mídias sociais:

Comunicação
Blogs: Blogger, WordPress, Tumblr
Microblogs: Twitter, Pownce; Snapchat
Redes sociais: Orkut, Facebook, LinkedIn, MySpace, Google+;
Eventos: Upcoming, Lista Amiga.

Multimídia
Compartilhamento de fotos: Flickr, Zooomr, Fotolog, Picasa, Instagram
Compartilhamento de vídeo: Videolog,YouTube, Vimeo;
Livecasting ou transmissão ao vivo: Justin.tv, Twitcam ,Periscope
Compartilhamento de música/áudio: imeem, Last.fm, Jamendo, Blaving.

Entretenimento
Mundos virtuais: Second Life, Imvu
Jogos online: Counter-Strike, League Of Legends, World of Warcraft
Compartilhamento de jogos: Miniclip.com

Colaborativas
Já as mídias sociais colaborativas são aquelas nas quais os usuários colaboram diretamente uns com os outros podendo acertar a produção de um novo conteúdo em conjunto.

Sendo assim, as redes sociais fazem parte das mídias sociais, que é a produção de conteúdos de forma não centralizada, onde não há o controle editorial. O usuário passou a ser produtor de conteúdo, também.

Mídias Sociais x Redes Sociais
Qual a diferença entre redes sociais e mídias sociais? As pessoas insistem em dizer que mídias sociais e redes sociais é a mesma coisa, e isso não é verdade, existe sim diferença entre uma e outra, vou explica-las:

O termo rede social ou “relationship site” ( que sugere sites de relacionamento) indica pessoas conectadas em grupos ( rede ), como por exemplo: grupo Facebook, listas do Twitter, fóruns, salas de bate papo a fim de troca de ideias. Portanto, redes sociais já existia desde o homem das cavernas, quando se reunião em torno do fogo.

As Mídias Sociais “new media” (novas mídias) são as plataformas que utilizamos para nos comunicarmos; como o Facebook, Orkut, MySpace, Twitter, Blogger, WordPress, Sónico, Youtube e etc…

Resumindo: Rede Social é o relacionamento de pessoas através de um grupo de amigos e Mídias Sociais são as plataformas que utilizamos para nos comunicarmos, passando informações para as pessoas.

Redes sociais: aproximam ou afastam as pessoas?

… e assista ao vídeo:

 

2. TÚNEL DO TEMPO DAS REDES SOCIAIS
walmirlima-dna-redes-sociaisComo surgiu as redes sociais? Evolução das redes sociais? A história das redes sociais Origem das redes sociais? Linguagem das redes sociais? Redes sociais antigas? Surgimento
das redes sociais? Como funcionam as redes sociais?

Veja quantas perguntas para uma única resposta. Bem, começou com os homens das cavernas sentados ao redor do fogo. Costume dos povos ancestrais que temos até hoje.

Vamos aos primórdios..

Os primeiros relatos surgem no ano de 1969, com o desenvolvimento da tecnologia dial-up e o lançamento do CompuServe — um serviço comercial de conexão à internet em nível internacional muito propagado nos EUA. Nessa época foi criada a plataforma de conexão.

Depois foi o envio do primeiro email em 1971, sendo seguido sete anos mais tarde pela criação do Bulletin Board System (BBS), um sistema criado por dois entusiastas de Chicago para convidar seus amigos para eventos e realizar anúncios pessoais. Essa tecnologia usava linhas telefônicas e um modem para transmitir os dados.

Chegando aos nosso dias..

Os anos seguintes, até o início da década de 90, ocorreram um grande avanço na comunicação. Nesse período foi quando a America Online (AOL), em 1985, passou a fornecer ferramentas para que as pessoas criassem perfis virtuais nos quais podiam descrever a si mesmas e criar comunidades para troca de informações e discussões sobre os mais variados assuntos. Anos mais tarde (mais precisamente 1997), a empresa implementou um sistema de mensagens instantâneas, o pioneiro entre os chats e a inspiração dos “menssengers” que utilizamos agora.

O ano de 1994 nasce o GeoCities. O conceito desse serviço era fornecer recursos para que as pessoas pudessem criar suas próprias páginas na web, sendo categorizadas de acordo com a sua localização. Ele chegou a ter 38 milhões de usuários, foi adquirido pela Yahoo! cinco anos depois e foi fechado em 2009.

Em 1995 entra no ar o The Globe dava a liberdade para que seus adeptos personalizassem as suas respectivas experiências online publicando conteúdos pessoais e interagindo com pessoas que tivessem interesses em comum.

Por sua vez, o Classmates visava disponibilizar mecanismos com os quais os seus usuários pudessem reunir grupos de antigos colegas de escola e faculdade, viabilizando troca de novos conhecimentos e o simples ato de marcar reencontros. Essa rede social ultrapassou 50 milhões de cadastros e sobrevive até hoje, mas com um número menor de participantes.

Estamos já no ano de 2000 e com ele o “boom” da bolha digital

Por volta dos anos 2000, a internet teve marca presença no trabalho e na casa das pessoas. Com isso, as redes sociais alavancaram uma imensa massa de usuários e a partir desse período uma infinidade de serviços foi surgindo.

Em 2002, nasceu o Fotolog que consistia em publicações baseadas em fotografias acompanhadas de ideias, sentimentos ou o que mais viesse à cabeça do internauta. Além disso, era possível seguir as publicações de conhecidos e comentá-las.

Depois nasceu, o Friendster foi o primeiro serviço a receber o status de “rede social”. Suas funções permitiam que as amizades do mundo real fossem transportadas para o espaço virtual. Esse meio de comunicação e socialização atingiu 3 milhões de adeptos em apenas três meses — o que significava que 1 a cada 126 internautas da época possuía uma conta nele.

Em seguida, ao longo de 2003, chegaram o LinkedIn (voltado para contatos profissionais) e o MySpace (que foi considerado uma cópia do Friendster). Ambos ainda estão no ar e com um uma excelente reputação. Atualmente, o LinkedIn conta com mais de 175 milhões de registros (sendo 10 milhões deles brasileiros) e o MySpace marca 25 milhões apenas nos EUA — embora esse número já tenha sido maior.

2004 o ano das Redes Sociais

Em 2004 foram criados o Flickr, o Orkut e o Facebook — algumas das redes sociais mais populares, incluindo a maior de todas até hoje.

Similar ao Fotolog, o Flickr é um site para quem adora fotografias, permitindo que as pessoas criem álbuns e compartilhem seus acervos de imagens. Atualmente, aproximadamente 51 milhões de pessoas usufruem de seus recursos.

O Orkut dispensa apresentação. A rede social do Google foi durante anos a mais usada pelos internautas brasileiros, até perder seu título para a criação de Mark Zuckerberg em dezembro de 2011. Um dos levantamentos mais recentes aponta que cerca de 29 milhões de pessoas ainda o utilizam.

O Facebook só chegou à grande massa de usuários no ano de 2006. De lá para cá, a rede social é sinônimo de sucesso e crescimento (inclusive em terras brasilis), superando a incrível marca de 908 milhões de pessoas cadastradas. Hoje, a marca está avaliada em mais de US$ 104 bilhões.

Em 2011..

Nasce o Google+, um dos mais novos serviços da gigante de Mountain View. Lançado oficialmente em 2011, esse serviço tem por volta de 400 milhões de inscritos (somente 25% deles estão ativos). Embora ainda esteja no seu início Google não tem poupado investimentos e esforços para que o seu produto cresça.

E o futuro

Com base nos últimas relatórios, esse tipo de serviço atrai mais de 1 bilhão de pessoas, o que representa cerca de um sétimo da população total do planeta. Isso significa que os sites de relacionamento ainda têm muito para crescer. E tem chamado atenção de muitas empresas.

Além disso, alguns especialistas em mídias sociais acreditam que o futuro dos serviços de comunicação e interação está em produtos de código aberto.

Acredito que o surgimento de uma rede social maior que as principais citadas até aqui (Facebook, Twitter, Linkedin) será necessário que tenha todos os serviços já oferecidos e mais uma inovação bem atraente. A segmentação é um bom diferencial.

 

3. VALE A PENA MESMO INVESTIR SEU TEMPOwalmirlima-tempo

Veja abaixo quais são os pontos positivos e negativos das redes sociais em uso. Veja os benefícios e malefícios das redes sociais:

Os pontos positivos das redes sociais são:

1 – Ajudam a manter os relacionamentos, e encurta as distâncias. Existem muitos benéficos das redes sociais, um deles é a conversa por vídeo, por exemplo.

2 – Suscitam o sentimento de “fazer parte” de um contexto ou relação: Por meio de comentários, curtidas e compartilhamentos o indivíduo encontra uma forma de se fazer presente, interagindo com seus amigos e seguidores.

3 – O compartilhamento de textos, fotos, vídeos e imagens é uma forma saudável de se expressar. Essa é uma oportunidade de compartilhar experiências e opiniões.

4 – Ao contrário da comunicação verbal a reação é instantânea, enquanto que na comunicação virtual escrita temos mais tempo para pensar antes de agir. Isso evita erros e constrangimentos.

Os pontos negativos das redes sociais são:

1 – Relacionamento superficial onde, muitas vezes, não há um aprofundamento das relações. E não permite uma interação mais profunda. Isso é um lado negativo das redes sociais.

2 – Toma muito tempo do internauta, impedindo que foque em coisas mais importantes.

3 – A fofoca não é construtiva, é um ladrão de tempo, portanto se gasta muita energia verificando o que o outro está fazendo, comprando, comendo ou assistindo, ou seja o foco fica no outro e não em si mesmo.

4 – Muitos conteúdos compartilhados podem causar inveja pois nem sempre quem vê estes posts está desfrutando dessas maravilhas(momento felizes, viagens, festas e etc.). Esse sentimento não é ruim, o problema se dá em como a pessoa encara a situação.

5 – Para pessoas tímidas a rede social torna-se o único canal para interagir com as pessoas, fugindo da exposição real. Este distanciamento não é saudável.

Esses são os principais itens que compõem dentre redes sociais pontos positivos e negativos.

 

4. RANKING TOP #10walmirlima-rankingg

Você quer saber quais são as redes sociais novas e as mais acessadas? Novas redes sociais?Redes sociais mais acessadas? Redes sociais mais usadas no mundo? As redes sociais mais usadas? Quais são as redes sociais mais usadas no brasil?

Veja a redes sociais mais acessadas no Brasil e as mais novas

Desde o surgimento do falecido Orkut em 2004, assistimos a criação e queda de inúmeras redes sociais que proporcionaram novas conexões. Com o tempo, elas foram tomando formas mais específicas e especializando-se cada vez mais, dando espaço para plataformas de nicho como o Instagram e o Snapchat.

Segue alguns exemplos de redes sociais que podem ser exploradas com mensagens bem direcionadas e bom poder de alcance. Porém, é bom lembrar que o que realmente importa é o conteúdo produzido, independente da rede social onde é publicado. Além do Facebook, Twitter e G+ listamos para você o:

  1. PERISCOPE

walmirlima-periscopeProduza conteúdo em vídeo e transmita em tempo real. A plataforma de vídeos em tempo real comprada pelo Twitter esse ano permite que se faça broadcasting, transmissão em tempo real, através de dispositivos móveis e é uma resposta ao Meerkat, concorrente que entrou um pouco antes nesse nicho. Você instala o periscope no seu celular e faz suas transmissões ao vivo.

  1. KIWI

walmirlima-kiwiComo. O Kiwi é um aplicativo de perguntas e respostas, sendo possível fazer perguntas direcionadas a outra pessoa e se pode escolher identificar-se ou não. Como sucessor do Ask.fm, Spring.me e Formspring, sua integração com o Facebook é um dos fatores que levou o Kiwi a cair rapidamente no gosto dos adolescentes, assim é possível para captar a opinião desses jovens em relação a variados assuntos. Ideal para realizar atendimento via redes sociais, como por exemplo receber reclamações online.

  1. VINE

walmirlima-vineO Vine é uma plataforma que consiste em posts de vídeos de 6 segundos no máximo, exibidos em loop e em uma timeline muito parecida com a do Twitter. Em 2012 o Vine foi adquirido pelo Twitter, com objetivo de explorar todos os potenciais relativo a produção de conteúdo em vídeo.

  1. BEME

walmirlima-bemeO Beme tem como objetivo fugir da superficialidade das publicações típicas da maioria dos usuários. Os posts no Beme são vídeos de 4 segundos que são imediatamente enviados para todos os contatos do usuário, sem a adição de filtros ou qualquer edição. O Beme pode ser uma alternativa ao Snapchat, que reúne muito conteúdo que pode ser considerado dispersivo.

  1. SNAPCHAT

walmirlima-snapchat

O Snapchat é um aplicativo que permite que você tire e envie fotos para um ou mais contatos de seu celular – que também possuam o Snapchat – por tempo limitado. Esse tempo deve variar entre 1 a 10 segundos, e pode ser escolhido por você a cada foto que você decide enviar. O diferencial desse aplicativo é que o Snapchat não permite buscar fotos no arquivo do celular, ou seja, todas as fotos enviadas precisam ser tiradas na hora e tudo é apagado automaticamente segundos depois.

  1. WhatsApp

walmirlima-whatsapp

WhatsApp Messenger é um aplicativo de mensagens instâtaneas que permite trocar mensagens sem custos como os SMS’s, por exemplo. Este aplicativo está disponível para iPhone, BlackBerry, Android, Windows Phone, e Nokia e sim, esses telefones podem trocar mensagens entre si! O WhatsApp Messenger usa o mesmo plano de dados de internet que você usa para e-mails e navegação em seu celular.

  1. Pheed

walmirlima-pheed

O Pheed é uma mistura de várias redes sociais em uma só. Você pode postar frases de até 420 caracteres, compartilhar vídeos, trechos de música e fotos. A grande diferença? Por lá você pode pagar ou cobrar para ter acesso a certos conteúdos.

8. StumbleUpon

walmirlima-stumbleupon

O StumbleUpon é bem parecido com o Pinterest, principalmente a visualização da timeline. Você só recebe na sua timeline assuntos que te interessam. Dessa forma você consegue fazer amizade com pessoas que gostam dos mesmos assuntos que você. 😉

  1. Vendly

walmirlima-vendly

No Vendly você pode vender e comprar coisas, qualquer coisa! A rede social é muita bonitinha e funciona como um bazar online.

10. Keek

walmirlima-keek

A rede social de vídeos Keek não parou de crescer com a chegada dos vídeos no Instagram e já conta com mais de 45 milhões de usuários! Se você gosta de compartilhar vídeos com os amigos esse é o lugar certo. 🙂

Já que estamos falando de redes novas, vamos lembrar as melhores mais antigas…

11. GetGlue

walmirlima-getglue-e-tvtag

O GetGlue é uma rede social antiga, lá você compartilha e avalia filmes, programas de TV, séries, musicas, etc. Um ótimo jeito de escolher uma nova série para começar a ver ou decidir qual filme assistir no final de semana.O Getglue está renovado em nome e formato. O famoso aplicativo de interações entre os usuários Android e iOS que gostam de ver TV e comentar pela Internet, agora, é chamado de Tvtag. Com um visual mais arrojado, informações bem completas sobre os programas e muitas opções de interação, espera-se que a experiência do usuário fique ainda melhor.

12. Skoob

walmirlima-skoob

O Skoob também não é uma rede social nova, mas a rede é dedicada aos apaixonados por livros. Lá você pode montar sua “biblioteca”, fazer resenhas, marcar os livros que quer ler e muito mais.

Outras redes sociais que podemos citar os tipos:

– Redes Sociais corporativas
– Redes Sociais de namoro ( relacionamento)
– Redes Sociais dos famosos
– Redes Sociais profissionais
– Redes Sociais musica
– Redes Sociais bela artes
– Redes Sociais acadêmicas
– Redes Sociais badoo
– Redes Sociais chinesas
– Redes Sociais coreanas
– Redes Sociais para jornalistas
– Redes Sociais horizontais
– Redes Sociais japonês
– Redes Sociais para fazer amizades
– Redes Sociais recrutamento e seleção
– Redes Sociais secretas

 

5.BLOQUEIO HACKER DAS REDES SOCIAISwalmirlima-bloqueio-hacker

As redes sociais tornam-se símbolo da falta de privacidade. “Quer você goste ou não, a sua reputação no Google ou em qualquer navegador de busca online, hoje, é a sua reputação”, diz o advogado Marcel Leonardi, Mestre e Doutor em Direito Civil pela USP e especialista em Internet e direito digital.

O uso incorreto da ferramenta somado com a ingenuidade dos usuários podem resultar em uma exposição indesejada. Pois isso o interesse de muitos para bloquear redes sociais.

É cada vez mais crescente a troca de recados, depoimentos, fotos e tweets, desta forma é possível saber o que as pessoas fazem, pensam ou escondem. O compartilhamento de informações como: destino de suas férias, o programa para o final de semana, fotos , vídeos que acabam detalhando sua vida para quem quiser ver. A falta de privacidade nas redes sociais é enorme.

Uma preocupação recente está relacionada a aplicativos utilizados nos celulares que transmitem a localização exata de um usuário através de coordenadas GPS, que é então vinculada em sites como Twitter, Facebook e Foursquare.

Todos tem acesso a suas informações, inclusive criminosos, isso vem despertando a atenção de especialistas que estudam as questões relacionadas a privacidade no mundo virtual e indivíduos que dedicam seu tempo para hackear redes sociais.

Mais antes de qualquer solução vamos falar um pouco de….

Bloqueio das Redes Sociais, sim, eu dissse bloqueio e não blindagem. Isso significa que apesar de tomar todos os cuidados você não pode relaxar. Antes de tudo, fique atento ao bloqueio de redes sociais que pode fazer. Como bloquear redes sociais

Antes de você saber como bloquear redes sociais no pc, o primeiro local que deve estar em segurança mínima é seu computador com antivírus instalado e atualizado. Recomendo o AVG Internet Security.( http://www.avg.com/br-pt/homepage )

 

Bloquear Facebook
Há configurações do Windows que você pode ajustar manualmente para evitar a abertura de Facebook. Uma das opções que você tem é a habilitação do Supervisor de conteúdo.

Passo 1: Clique em “Iniciar”, selecione “Painel de Controle”.

Passo 2: Clique em “Rede e Segurança”, selecione “Opções da Internet”. A janela Opções da Internet será aberta.

Passo 3: Clique na aba “Conteúdo”, clique em “Habilitar” na seção Supervisor de Conteúdo. A janela do Supervisor de Conteúdo é aberta.

Passo 4: Clique na guia “Geral”, clique em “Criar senha”.

Passo 5: Digite uma senha e uma dica de senha nas caixas apropriadas. Clique em “OK” para salvar a senha, feche a janela do Supervisor de Conteúdo e volte para a janela Opções da Internet.

Para bloquear o Facebook, você ainda precisará seguir mais alguns passos simples:

Passo 1: Clique em “Configurações” na seção Supervisor de Conteúdo, na janela Opções da Internet.

Passo 2: Digite sua senha no campo “Senha de Supervisor Necessária”, clique no botão “OK”.

Passo 3: Clique no botão “Sites Aprovados”, em seguida, digite “www.facebook.com” na caixa “Permitir Este Website” (o mesmo vale para outros sites e redes sociais).

Passo 4: Clique no botão “Nunca”, em seguida clique em “Aplicar” e “OK” para salvar as configurações.

 

Bloquear Amplo
Abaixo estão alguns programas que irão mantê-lo fora de distrações online! Confira:

  1. Freedom
    O avô dos programas de restrição da Internet. O usuário estará impedido de navegar na net até oito horas.
  1. Anti-Social
    Para aqueles usuários que ainda não estão prontos para obter a privação da Internet por inteiro chamado anti-social. Este app bloqueia sites de mídia social (distrações), como o Facebook, YouTube e Twitter, bem como quaisquer outros sites que você especifique. Pago.
  1. LeechBlock
    Uma alternativa gratuita ao anti-social é o LeechBlock. Este aplicativo, para justificar o seu custo de zero, tem anúncio. Ele é projetado para “bloquear esses sites de desperdício de tempo que podem sugar a vida fora do seu dia de trabalho”, de acordo com o seu website.

Segue outra alternativa para crise de abstinência virtual e para poupar o seu tempo de computador com mais eficiência. Isto pode ser conseguido com programas como:

RescueTime
Klok
Slife
BitComet

 

Dicas de segurança nas redes sociais

  1. Não utilize senhas óbvias: as senhas são a primeira barreira de proteção e por isso devem ter o mínimo de complexidade. Utilize pelo menos oito caracteres, não use palavras de dicionários, datas, número de documentos, misture letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais. Algumas redes sociais informam na hora do cadastro da senha se ela é forte ou não.
  2. Evite a publicação de dados pessoais ou restrinja o acesso a essas informações.
  3. Acessos diferentes: Nunca acesse a rede social de dispositivos desconhecidos ou públicos, não há como garantir que esses equipamentos não possuem softwares maliciosos.
  4. Dados cadastrais: Nunca utilize as redes sociais para trocar informações como: CPF, RG, informações bancárias, endereço residencial/comercial, números de telefone.
  5. Muito cuidado com o famoso “check-in”: ele pode informar sua rotina diária, onde você mora, onde você trabalha, que lugares você costuma ir etc. Esse tipo de informação é um prato cheio para pessoas mal intencionadas.
  6. Use com moderação: As redes sociais são um recurso muito poderoso de comunicação, mas como tudo na vida use com bom senso, afinal você colocaria suas informações pessoais em um outdoor?
  7. O que você publica é para sempre, as pessoas têm a falsa sensação de que têm total controle de suas redes sociais. Basta deletar a conta do Twitter, por exemplo, e tudo vai embora como em um passo de mágica. Não é bem assim… fotos, vídeos, informações e dados são compartilhados em tempo real com os outros usuários, que podem salvar o conteúdo da rede social em suas máquinas. Por isso, é prudente sempre considerar o impacto de uma postagem para o futuro.
  1. Rede Social não é coisa de criança. As crianças precisam de orientação de como se comportar, pois as redes sociais são perigosas quando administradas por criminosos, e crianças são um alvo fácil. Fale com seus filhos sobre esses perigos, e cuidado com as fotos dos pequenos.

Outro dia escrevi um post sobre regras da internet e internet segura para crianças. Clique aqui para ler.

  1. Nem tudo é verdade. Não acredite em tudo o que falam para você em redes sociais. Hackers podem invadir as contas de outros usuários e, desse modo, tentar enviar mensagens para a rede de amigos da vítima. Assim que perceber que uma mensagem é fraudulenta, denuncie.

6.DNA DA COMUNICAÇÃO DAS REDES SOCIAISwalmirlima-dna-rs

Agora vamos apresentar algumas girias das redes sociais e abreviaturas mais utilizadas pelos usuários. Ao navegar certamente já se deparou com essas palavras e ficou sem saber o que elas queriam dizer. Evite gafes nas redes sociais.

Expressões, gírias e hashtag # como “SQN”, “LOL”, “CTZ”, “CMG”, “OMG”, “VDD”, “WTF” e” PFV”, entre outras, também costumam aparecer no Facebook, Skipe e nos aplicativos de mensagens instantâneas, como o WhatsApp.

Confira aqui o significado das principais expressões e gírias:

– OMG: é geralmente usado para indicar espanto
– AFF: é como um suspiro por falta de paciência
– ADD: significa adicionar
– BBK ou BBQ: usada para chamar alguém de “babaca”
– BBF: expressão inglesa “ best friend forever” ou “ melhor amiga para sempre”.
– BRINKS: significa “brincadeira”
– BTW: vem do inglês “By the way”, que significa “ a proposito”
– FIKDIK: significa “ fica a dica”
– LOL: vem do inglês “ Laughing out loud”, que fignifica “ rindo alto”
– OMG: vem do inglês “ Oh my god”, significa “ Ai meu Deus”
– SDDS: significa “saudades”
– SQN: usada como hashtag , significa “ só que não”
– SDV: significa “segue de volta”, usada no twitter e Instagram
– S2: significa um desenho virtual de um coração

Expressões mais comuns..

– AMG: significa “amigo ou amiga”
– BJS: significa “beijos”
– CTZ: significa “com certeza”
– GLR: significa “galera”
– MSG: significa “mensagem”
– MSM: significa “mesmo”
– N: significa “não”
– ORLY: significa “oh, really?” ou “ sério?”
– PFV: significa “por favor”
– PQ: significa “por que ou porque”
– XOXO: significa “ beijos e abraços”
– WTF: significa “ What the f***?” ou “que porcaria é essa?”
– PLMDDS: significa “ pelo amor de Deus”.

 

  1. EXTRA: CURIOSIDADE DAS REDES SOCIAIS

walmirlima-curiosidade

– A “Affluence.org” é uma das redes sociais mais difíceis de ser aceito. Ali só entra quem tem, no mínimo, um milhão de dólares, cerca de 802 mil euros, ou um rendimento anual de, pelo menos, 200 mil dólares, cerca de 160 mil euros.

– Para quem não quer dar trabalho depois de morte, existe o “MyLastWish.net” , uma rede social onde as pessoas podem partilhar com os amigos e família informações úteis para o enterro, como a música que gostaria de ter no funeral, se preferia ser cremada ou enterrada e o que pensa sobre a doação de órgãos. Depois de a pessoa morrer é possível aos amigos e família deixar mensagens, fotografias e vídeos. Assim como comentar mensagens deixadas pelos outros.

– Maior que a Índia e o Twitter
Além de ter recorde de acessos por dispositivos móveis, o Facebook conta com 1,3 bilhões de usuários. Isso representa mais que a população da Índia, o segundo país mais populoso do mundo com 1,24 bilhões de habitantes. A rede também possui 1 bilhão de usuários a mais que o Twitter, que conta com 255 milhões de cadastrados acessando o microblog todo mês.

– Você sabia que 30 de junho é o Dia Mundial das Mídias Sociais (Social Media Day).

RESUMO

walmirlima-resumo
Ufa!! Sei que esse artigo ficou enorme, mais também conseguir reunir o melhor das redes sociais para você em um único lugar.  O meu objetivo é mostrar para você uma visão geral de como as mídias sociais funcionam, bem como, destacar sua diversidade para sua vida profissional, acadêmica ou empresarial.

Abordamos os seguintes tópicos de forma simples:

1. O quem são Redes Sociais?
2. Túnel do Tempo das Redes Sociais
3. Vale a Pena Mesmo investir seu tempo
4. Rankink Top #10
5. Bloqueio Hacker das Redes Sociais
6. DNA Comunicação das Redes Sociais
7. Extra: Curiosidade das Redes Sociais

 

BÔNUS

walmirlima-bonus

Para você que é um iniciante nas redes sociais gravei dois tutoriais para ajudar nos seus primeiros passos:

– Como Criar conta Facebook: Primeiros passos ( + 600 mil visualizações) Clique Aqui

– Como Criar conta no Twitter: Primeiros passos ( + 900 visualizações) Clique Aqui

 

Qual sua rede social preferida? Conte pra gente!

Você já leu os artigos abaixo? Não? Então aproveite pra ler, mas, antes…

È por último, se achou todas essas informações relevantes, imagine o profissional que trabalha com isso todos os dias, como será? Descubra o que faz um profissional especializado em gestão de mídia social.

 

walmirlima-botao-ajuda-midia-digital